12 novembro 2014

Resenha: Quem Mexeu No Meu Queijo?



Autor:  Spencer Johnson
Editora: Record
Número de Paginas: 107
Ano de Lançamento: 2001
Classificação: 5/5








Sinopse:
O Livro QUEM MEXEU NO MEU QUEIJO? É uma parábola que revela verdades sobre mudança. Dois homenzinhos e dois Ratinhos, eles vivem em um labirinto e estão a procura de queijo - O queijo que é referido ao decorrer da história é uma metáfora para o que se deseja ter na vida, de um bom emprego à um relacionamento. Um é bem sucedido e escreve o que aprendeu com suas experiências no muro do labirinto. As palavras que são escritas na parede serve como uma lição de vida, ensinando a lidar com as mudanças, como viver com menos estresse  e também como alcançar o tão desejado sucesso no trabalho e na vida pessoal. O livro é de leitura rápida, mas suas ideias são para toda vida.



Resumo: Todos os dias, ratos e duendes saiam pelo labirinto em busca de queijo. Os ratos, Sniff e Scurry, saiam procurando de um corredor para outro. Se não encontravam num, logo iam para outro. Lembravam dos locais que já haviam passado e que não tinham conseguido nenhum queijo e logo iam para outro lugar. Sniff, usando seu faro aguçado, farejava a direção, Scurry por sua vez, saía na frente. Apesar de se perderem e até acabarem batendo nas paredes, logo achavam o caminho. Após algumas buscas, finalmente todos eles encontram, em um local dos corredores do labirinto, denominado de “Posto C”, o queijo que cada um procurava. Ambos já não se preocupavam mais, já tinham o que buscavam. Todos os dias eles acordavam e se dirigiam para o Posto C para se alimentarem. Sniff e Scurry mantinham a mesma rotina, acordavam cedo todos os dias e seguiam o mesmo caminho do labirinto. 


Porém Hem e Haw passaram a estabelecer uma outra rotina. Como já sabiam onde estava o queijo e qual seria o caminho que deveriam seguir, passaram a acordar um pouco mais tarde. Arrumavam-se sem muita pressa e seguiam para o Posto C. Hem e Haw sentiam-se felizes com a nova situação. Achavam-se os donos do queijo, embora nem soubessem quem o havia colocado ali. Como havia muito queijo, chegaram inclusive a mudar-se para próximo do Posto C. Sniff e Scurry seguiam em suas rotinas normalmente, acordando cedo todos os dias. Chegavam ao Posto C, e antes de se alimentarem, cheiravam o queijo e faziam uma vistoria no posto para ver se havia ocorrido alguma mudança em relação ao dia anterior. 


Um dos livros que mais me ajudaram, tenho certeza que irá fazer diferença na sua vida. Recomendo, como já havia dito é um livro super gostoso de ler e de fácil entendimento e pode ajudar pessoas de diversas áreas, até mesmo pessoas em um relacionamento.

Espero que vocês tenham gostado e se ainda não conseguiu lê, arruma um tempo ai gata que vale super a pena !